Início » Citigroup anuncia que demitirá 20 mil no mundo

Citigroup anuncia que demitirá 20 mil no mundo

postado Assessoria Igor

O Citigroup afirmou nesta sexta-feira (12) que espera cortar 20 mil empregos no “médio prazo”. O anúncio foi feito no momento que o banco divulgou que teve o seu pior trimestre em 15 anos, com uma perda de US$ 1,8 bilhão (R$ 8,72 bilhões).

O Citi, que está no meio de sua maior reestruturação em duas décadas, apontou que o resultado foi causado pelos custos da reorganização, sua retirada da Rússia e a desvalorização do peso argentino.

O banco não informou quantos países serão afetados pelo corte.

Nesta semana, o Citi anunciou que teria mais de US$ 4 bilhões em encargos e despesas durante o trimestre, incluindo US$ 800 milhões relacionados à maior reformulação do banco em anos.

A cifra também incluiu uma “avaliação especial” de US$ 1,7 bilhão da Federal Deposit Insurance Corporation, relacionada às falências de bancos regionais do ano passado, centenas de milhões de dólares em perdas relacionadas à desvalorização da moeda argentina e mais de US$ 500 milhões em despesas relacionadas ao encerramento das operações do banco na Rússia.

Mesmo excluindo encargos e despesas únicas, os lucros trimestrais caíram mais de 20% em relação ao quarto trimestre de 2022, para mais de US$ 1,5 bilhão. As receitas trimestrais caíram 3%, para US$ 17,4 bilhões. Os lucros anuais do Citi caíram 38% em relação ao ano anterior, para US$ 9,2 bilhões.

Os gastos com os cartões de crédito do banco ajudaram a impulsionar a receita em sua divisão de banco de varejo em 12%, enquanto os gastos corporativos ajudaram a aumentar a receita na divisão de serviços de tesouraria do Citi, que gerencia o dinheiro e processa pagamentos para multinacionais, em 6%.

Sua divisão de banco de investimento também teve um bom desempenho, com taxas aumentando mais de um quinto, para quase US$ 1 bilhão, o melhor resultado do negócio em mais de dois anos.

No entanto, as receitas de empréstimos corporativos caíram 26%, à medida que as taxas de juros mais altas nos EUA afetaram a demanda por empréstimos.

Uma queda na volatilidade do mercado no final do ano também prejudicou os traders do banco. A receita proveniente da venda e negociação de títulos, commodities e moedas caiu 25%.

Fonte: Folha de S. Paulo

www.contec.org.br

Deixe um Comentário

Notícias Relacionadas

Bem vindo!

Instale o app da Contec Brasil no seu Iphone {{ICON_INSTALL}} e depois {{bold}} adicione à tela inicial {{/bold}}
×